Anjos do Picadeiro

 

O Anjos do Picadeiro é um encontro internacional de palhaços que se realiza no Brasil desde 1986. Como num grande congresso de circo, teatro e comicidade popular centenas dos mais importantes artistas/cômicos e estudiosos provenientes das ruas, dos circos, de universidades e cabarés de várias partes do Brasil e do mundo se reúnem para troca de saberes. Por acreditar na importância de um espaço para a discussão da criação artística, o Teatro de Anônimo realizou o encontro pela primeira vez, no Rio de Janeiro, como uma iniciativa independente para comemorar seus dez anos de atividades. Graças à participação de parceiros cultivados pelo grupo ao longo da sua primeira década de existência, criou-se assim um espaço de reciclagem, intercâmbio e qualificação profissional, com o propósito de investir na construção de uma sociedade mais justa e solidária através da prática artística.



Em sua primeira edição, o Anjos do Picadeiro homenageou Benjamin de Oliveira, o primeiro palhaço negro do Brasil, um dos ícones das artes cênicas nacionais e criador do circo-teatro brasileiro. Em sua segunda edição, em 1998, realizado em São Paulo e São José do Rio Preto, o encontro verticalizou as discussões sobre a verdadeira arte do palhaço, o riso e as relações pertinentes ao ato de gerar o riso. A grande homenagem foi prestada a uma memória viva da história do circo-teatro no mundo: a família Colombaioni, com a presença de Nani Colombaioni, representante da quinta geração do clã cuja origem remonta à Commedia dell'Arte. Nani Colombaioni, parceiro de Federico Fellini em filmes como I Clowns, foi uma das principais atrações do evento. A partir dessa edição e com adesão total de artistas circenses de diferentes localidades e, principalmente, de diferentes características estéticas e  pesquisas de linguagens o Anjos do Picadeiro se consolidou como o mais importante encontro de artistas dedicados ao riso na América Latina. Comediantes, velhos palhaços de circo de lona, bufões, pesquisadores, palhaços formados nas escolas criam um espaço para a expansão e para o fortalecimento da discussão em torno da figura do palhaço e da comicidade. 

O Anjos do Picadeiro, ao completar quinze anos de existência, reforça a máxima de que o encontro simboliza uma grande rede de intercâmbio, ultrapassando os seus sete dias de encontro. Gera desdobramentos no decorrer do ano, encontros entre mestres e jovens artistas, parcerias, oportunidades de trabalho, fóruns de discussões, publicações e por aí adiante. É um espaço democrático para a circulação de ideias, informações, reflexões e confrontações, além de representar também um lugar de formação e qualificação profissional. 

Confira: www.anjosdopicadeiro.com.br

 

Últimas no Blog

Estamos entrando na fase balzaquiana da nossa história. São 30 anos dedicados ao...

Leia mais

O Teatro de Anônimo convida os artistas da cidade de Teresópolis e quem mais...

Leia mais

De 20 a 30 de abril o Sesc Pinheiros recebe a Mostra de...

Leia mais